Simplificação e desburocratização

simplificação_desburocratização

Simplificação e desburocratização é nosso primeiro tema da Lei Geral (LC 123/2006). Trata-se de simplificar, racionalizar, otimizar e reunir em um único espaço as informações, orientações e os procedimentos burocráticos necessários para dar entrada em documentos e solicitações para abertura, alteração e baixa (encerramento) de empreendimentos de pequeno porte, bem como realizar a formalização do microempreendedor individual. Uma das ações mais importantes do tema é a criação da Sala do Empreendedor. O resultado é agilidade nas respostas e no atendimento das solicitações, com redução do tempo de abertura, alterações e encerramento de empresas, orientações, capacitação empresarial e a modernização dos processos burocráticos. O impacto se dá na melhoria do ambiente de negócios no município.

 

Saiba Mais

Conheça a prática no município de Cascavel
Conheça a prática no município de CAMBARÁ
Conheça a prática no município de Capitão Leônidas Marques-PR

Resumo do vídeo: Renata Adélia Silva é agente de desenvolvimento e coordenadora do Centro de Referência do Trabalho, em Capitão Leônidas Marques – PR. No vídeo, ela apresenta o processo, a organização do trabalho, a estratégia adotada – marcadamente racionalista, e os serviços prestados aos microempreendedores individuais no Centro de Referência do Trabalho.

 1

Clique, assista e fique por dentro:  http://www.youtube.com/watch?v=Q4HDxXV9Gfw

 

Conheça a prática no município de Marechal Cândido Rondon

Resumo do vídeo: No ano de 2011, Charles Eduardo Fischer, agente de desenvolvimento do município, apresentou o Módulo Empresarial – espaço também conhecido como Sala do Empreendedor. Na ocasião, expôs a ideia da homepage do Módulo Empresarial e o Selo Profissional Padrão. Iniciativas que apoiam e valorizam os pequenos negócios do local.

Charles destaca que no primeiro ano de funcionamento foram realizados 1.400 atendimentos de orientação e formalização empresarial. Uma média de 116 atendimentos por mês. Inicialmente, a ação tinha como foco o microempreendedor individual, mas se estendeu para o atendimento de microempresas e empresas de pequeno porte. Dentre as atividades, destacamos emissão da DASN, da Nota Fiscal Eletrônica, solicitação de anuência prévia, elaboração de plano de negócio, tele aula e informações de linhas de crédito para os pequenos negócios do local. Dentre os parceiros, Charles cita o SICOOB, Caixa Econômica Federal, Banco Social e o BRDE.

A ideia da homepage do Módulo Empresarial e o Selo Profissional Padrão têm como objetivo divulgar as empresas que se formalizaram no Módulo Empresarial, bem como os profissionais do local.

2

http://www.youtube.com/watch?v=eD1E7PlLGd4

 

Em breve, conheça a prática no município de Toledo

3
Fonte: foto – Jornal do Oeste.

 

Em breve, conheça a prática no município de Tupãssi 

4